É preciso qualquer coisa mais, que apenas “potencial”.

Fala-se muito em potencial.

“Este jovem tem potencial, se fosse bem treinado era um campeão.”

Mas a verdade é que o potencial parte da óptica de quem avalia e é tão subjectivo como uma opinião.

Ter potencial, não garante resultados.

Avaliar jovens pelo potencial é como avaliar uma pedra em bruto sem lhe poder pôr a mão em cima.

A avaliação do potencial é uma perspectiva, está dependente da experiência e visão do observador.

Podemos olhar para uma rocha e ver um diamante. Mesmo que o seja, podemos ver nele uma exuberante jóia, ou uma simples ferramenta de corte de pedra e em parte, as duvidas só se esclarecem, depois de pegar na peça. Pode ser o tal diamante, ou pode ser apenas calcário, bonito, mas calcário não aguenta pressão.diamante pressao

O diamante é a metáfora perfeita, apesar de ser extremamente comum no planeta, pode ser de uma beleza e valor extremamente elevado, depende muito das mãos por onde passou. Do potencial que foi visto nele e da necessidade que mais alto falou na altura de definir o seu destino. O diamante começa por ser carvão, sujeito à maior das pressões, converte-se numa das pedras mais cobiçadas do planeta e reitero que é das mais comuns também. Tudo é elegante e curioso neste minério, da sua simples concepção, até à selecção da sua função final.

Se Cristiano Ronaldo aos 12 anos tivesse ficado na Madeira, hoje ninguém saberia quem ele é, seria mais um Madeirense a trabalhar quiçá numa frutaria, como comercial, ou outra coisa qualquer. Mas foi a decisão certa, na altura certa, a pressão e a personalidade que originaram a “tempestade perfeita”.  Tudo, porque um dia alguém viu potencial.

Quando vemos potencial investimos. Seja tempo, ou dinheiro e na grande maioria dos casos, tempo é dinheiro.

Quantos potenciais atletas de elite não andarão por ai a servir às mesas, a fazer entregas, a vender casas e que nunca serão revelados porque passou a oportunidade deles, ou porque esta nunca lhes foi proposta. Há aqueles, que a oportunidade nunca chegou, esses serão o grosso.

Pensem no nosso Tiago Monteiro (automobilismo) e a sua fugaz passagem pela Formula 1. Nunca saberemos se poderia ser campeão, porque nunca correu em pé de igualdade com os demais, foi-lhe dada a oportunidade, mas numa equipa muito inferior e com o pouco que lhe foi dado, O Tiago fez muito. Fica no ar a ideia que tinha potencial, se ao menos tivesse um carro igual aos demais.

2005 - Campeonato do Mundo de F1 da FIA, Piloto Oficial da Jordan, 16º classificado com 7 pontos, 4 vezes classificado no top-10 2005, 19 de Junho - O primeiro pódio na Fórmula 1, ficou em 3º lugar no Grande Prémio dos Estados Unidos, onde só correram 6 carros (Indianápolis). 2005 - Rookie do Ano na F1 e Rookie do ano de todos os desportos automobilísticos, prémio atribuído pela "AutoSport" 2006 - Tiago Monteiro compete pela recém criada formação russa Midland F1 Racing (que entretanto muda de nome para Spyker F1), onde foi companheiro de equipa do holandês Christijan Albers. 2007 - Depois de não conseguir lugar em nenhuma equipa de Fórmula 1 que lhe garanta competitividade, Tiago ingressa no campeonato WTCC pela equipa Seat Sport.

2005 – Campeonato do Mundo de F1 da FIA, Piloto Oficial da Jordan, 16º classificado com 7 pontos, 4 vezes classificado no top-10
2005, 19 de Junho – O primeiro pódio na Fórmula 1, ficou em 3º lugar no Grande Prémio dos Estados Unidos, onde só correram 6 carros (Indianápolis).
2005 – Rookie do Ano na F1 e Rookie do ano de todos os desportos automobilísticos, prémio atribuído pela “AutoSport”
2006 – Tiago Monteiro compete pela recém criada formação russa Midland F1 Racing (que entretanto muda de nome para Spyker F1), onde foi companheiro de equipa do holandês Christijan Albers.
2007 – Depois de não conseguir lugar em nenhuma equipa de Fórmula 1 que lhe garanta competitividade, Tiago ingressa no campeonato WTCC pela equipa Seat Sport.

Passar por atleta é fácil!

Escolhe-se um desporto, neste caso o ciclismo, compra-se uma bicicleta, ou pede-se ao pai, filiá-mo-nos num clube e andamos ali uns tempos. Temos um cartão da federação com o nosso nome e a nossa foto a comprovar isso.

Mas ser atleta é outra coisa totalmente diferente!

Pode estar inscrito no nosso código genético que temos potencial para ser um super-atleta. Usain Bolt (Bolt significa Relâmpago, o que é curioso) nasceu com características morfológicas únicas, que lhe permitirem ser um sprínter “nato”. Mas no entanto, mesmo com estas características, se não estivesse psicologicamente predisposto a treinar, de nada lhe valiam tais atributos.

Embora a natureza tenha sempre uma palavra a dizer, acredito que não nascemos atletas, torná-mo-nos!

A chave para o sucesso é complexa e não há garantias de nada.

Diz a expressão :

“Só no dicionário é que o sucesso vem antes do trabalho”

E no desporto, nem sempre trabalho é sinónimo de sucesso, mas é por aqui que se começa e é também certo que sem este, o talento nato, quando muito coloca-te em vantagem temporariamente e dar-te-á um breve flash do que poderia ter sido muito mais, do que poderia ter sido imenso.

O potencial aumenta, à medida que se vão revelando as condições necessárias.

E não é tão invulgar quanto isso, falar em jovens cheios de potencial, que afinal de contas, não passaram de projectos que nunca chegaram a sair do papel.

Passou por mim há uns tempos um jovem cheio de sonhos e eu até via ali algum potencial, mas assim que o trabalho começou e a pressão de cumprir treinos foi aplicada…3 semanas foi quanto bastou.

Quando em conversa contei a situação ao meu filho, na maturidade dos seus 14 anos diz:

“-Pai, se sonhos e desejos fossem podiuns, eu não tinha quarto para tantos troféus.”

Nada a acrescentar!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s